Transporte Naval:
  http://www.portalnaval.com.br/

    Portal Naval

    Glossário
    Aqui você encontra os termos mais importantes utilizados na indústria naval e offshore no Brasil e no exterior. Tipos de navios e de plataformas de petróleo, suas características, nomeclaturas, acessórios, subdivisões, peças e detalhes de engenharia. Além de apresentar uma visão de como funciona um estaleiro com suas divisões e facilidades industriais.
    Tipos de Navio
    ALVARENGA (Lighter, Barge)
    Embarcação robusta, sem propulsão e de fundo chato, empregada para desembarque ou transbordo de carga nos portos. O mesmo que Batelão.
    CAÇA-MINAS (Minesweeper)
    O mesmo que Navio Varredor.
    CARGUEIRO (Cargo Ship)
    O mesmo que Navio de Carga.
    CATAMARÃ (Catamaran)
    Embarcação caracterizada por possuir dois cascos inteiramente distintos até o convés principal, o qual é comum a ambos e serve para uni-los.
    CHATA (Barge)
    Embarcação com ou sem propulsão própria, com fundo chato, destinada ao transporte de granéis líquidos ou secos. Quando sem propulsão seu movimento é provido por um Rebocador ou Empurrador.
    CONTRA TORPEDEIRO (Destroyer)
    Navio de combate de alta velocidade, grande mobilidade, tamanho moderado, pequena autonomia e proteção estrutural nula, cujo armamento principal é normalmente constituído de torpedos.
    CONTRA TORPEDEIROS DE ESCOLTA (Destroyer-Escort)
    Navio de combate construido especialmente para escoltar comboios. É menor que o Contra Torpedeiro comum e seu armamento principal é anti-submarino.
    CONTRA TORPEDEIRO-LÍDER (Destroyer Leader)
    Contra Torpedeiro maior que o Contra Torpedeiro comum, com acomodações para um Comandante de Força e seu Estado Maior.
    CORVETA (Corvette)
    Navio de combate de 500 a 1.100 toneladas de deslocamento, boa mobilidade e velocidade moderada, destinada à patrulha anti-submarina, podendo fazer escolta de comboios em substituição ao Contra Torpedeiro-Escolta.
    COURAÇADO (Battleship)
    O mesmo que Encouraçado.
    CRUZADOR (Cruiser)
    Navio de combate de tamanho médio, grande velocidade, proteção moderada, grande raio de ação, boa mobilidade e armamento de calibre médio e tiro rápido, destinado a efetuar explorações, coberturas, escolta de comboios (contra ataques de superfície), guerr
    CRUZADOR ANTI-AÉREO (Anti-Aircraft Cruiser)
    Cruzador dotado de poderosa artilharia anti-aérea.
    CRUZADOR DE BATALHA (Battle Cruiser)
    Navio de combate armado de canhões do mesmo calibre dos Encouraçados, porém menos protegido e muito mais veloz que estes. Ainda utilizado na 2ª Guerra Mundial, tende a desaparecer.
    DRAGA (Dredger)
    Embarcação apropriada para retirar material do fundo, em águas pouco profundas. Normalmente utilizada no interior ou na proximidade dos portos para aumentar a profundidade dos canais de acesso ou das bacias de evolução.
    EMBARCAÇÃO (Craft)
    1 - Nome genérico dado a toda construção destinada a se deslocar planando junto à superfície da água (em barcação planadora), flutuando na superfície (embarcação flutuante) ou submersa (embarcação submarina).
    2 - Nome geralmente empregado para designa
    EMBARCAÇÃO DE DESEMBARQUE (Landing Craft)
    Qualquer embarcação destinada especificamente a transportar material ou pessoal até a praia e aí desembarcá-Ios, sem contar com outros recursos além dos que possui a bordo. Normalmente utilizada em operações anfíbias.
    EMPURRADOR (Pusher Tug)
    Pequeno navio de grande robustez e alta potência, dispondo de uma proa de forma e construção especiais, destinado a empurrar uma Barcaça ou conjunto de Barcaças, que formam um comboio. Cf. Rebocador.
    ENCOURAÇADO (Battleship)
    Navio de combate armado de canhões de grosso calibre, fortemente protegido por couraças e por uma compartimentagem estanque especialmente eficiente. Tipo de navio hoje quase totalmente em desuso. O mesmo que Couraçado.
    FRAGATA (Frigate)
    Navio de combate de emprego semelhante ao do Contra Torpedeiro sendo, porém, de maior porte e, normalmente, dotado com mísseis entre as suas armas.
    GRANELEIRO (Bulk Carrier)
    O mesmo que Navio Graneleiro.
    GUARDA-COSTA (Coast Defense Ship)
    Embarcação dotada de alta velocidade e grande mobilidade, destinada a patrulhar águas costeiras.
    LAMEIRO (Hopper)
    Embarcação de ferro, com caixas de ar nas extremidades e portas no fundo, destinada a transportar a lama proveniente de uma dragagem.
    LANÇA-MINAS (Minelayer)
    O mesmo que Navio Mineiro.
    LANCHA TORPEDEIRA (Torpedo Boat, PT Boat)
    Embarcação de combate de pequeno porte (20 a 50 toneladas de deslocamento), de alta velocidade e grande mobilidade, armada com tubos de torpedo. Destina-se a patrulhar águas costeiras, podendo atacar navios maiores com torpedos lançados a curta distância.
    NAVIO (Vessel, Ship)
    Embarcação de grande porte, dotada de meios próprios de propulsão.
    NAVIO-AERÓDROMO (Aircraft Carrier)
    Base aérea flutuante com propulsão própria, capaz de reabastecer, municiar, alojar, reparar e operar aviões e suas equipagens aéreas, e defender-se, dentro de certos limites, de ataques aéreos e de superfície. Seu armamento principal é o avião. Cf. Porta-
    NAVIO DE CARGA (Cargo Ship)
    Navio mercante destinado exclusiva ou principalmente ao transporte de mercadorias e cargas, podendo transportar, no máximo 12 passageiros. Cf. Navio Misto.
    NAVIO DE CARGA GERAL (General Cargo Ship, Freighter)
    Navio construido especialmente para o transporte de cargas embaladas ou produtos manufaturados, que não sejam a granel, dotado de guindastes ou paus de carga para manuseio da carga.
    NAVIO DE COMBATE (Warship)
    Navio de guerra destinado a executar missões de combate.
    NAVIO DE DESEMBARQUE (Landing Ship)
    Embarcação de desembarque de porte alentado, capaz de transportar tropa, carga e viaturas, desde o porto de embarque até a praia invadida ou até as proximidades desta. Normalmente utilizado em operações anfíbias.
    NAVIO DE DESEMBARQUE DE CARROS DE COMBATE (Tank Landing Ship)
    Navio construído especialmente para o transporte e desembarque de carros de combate em praias, sendo para isto dotado de uma porta e uma rampa na proa. Normalmente utilizado em operações anfíbias.
    NAVIO-ESCOLA (Training Ship)
    Navio destinado a prover treinamento a futuros tripulantes de navios de guerra ou mercantes.
    NAVIO FERRY (Ferry Ship)
    Navio de porte reduzido, utilizado no transporte de passageiros, geralmente em viagens de turismo, transportando também os automóveis dos próprios passageiros.
    NAVIO GRANELEIRO (Bulk Carrier)
    Navio de construção especial adequada para o transporte de carga a granel, não possuindo assim, guindastes ou paus de carga. Possue características estruturais diferentes, conforme se destine ao transporte de granéis pesados (minérios, por exemplo) ou de
    NAVIO DE GUERRA (Naval Vessel, Naval Ship)
    Qualquer navio pertencente à Marinha de Guerra. Pode ser Navio de Combate ou Navio Auxiliar.
    NAVIO HIDROGRÁFICO (Surveying Ship)
    Navio destinado a fazer levantamentos hidrográficos, sendo para tanto dotado de equipamentos especiais (hardware e software) para coleta e análise de dados necessários à confecção de cartas náuticas.
    NAVIO MERCANTE (Merchant Ship, Merchant Vessel)
    Qualquer navio empregado no comércio marítimo, isto é, que transporta carga ou passageiros a frete.
    NAVIO MINEIRO (Minelayer)
    Navio de combate destinado a semear campos de minas ofensivos, em águas dominadas pelo inimigo, ou defensivos, em águas próprias. O mesmo que Lança Minas.
    NAVIO MINERALEIRO (Ore Carrier)
    Navio graneleiro projetado especificamente para o transporte de minérios. Possue, normalmente, porões de carga centrais e tanques de lastro laterais que se extendem do nível do convés até o fundo do navio.
    NAVIO-OFICINA (Tender)
    Navio Auxiliar destinado a apoiar Navios de Combate, proporcionando-Ihes meios de reparos, aprovisionamento, etc.
    NAVIO PATRULHA COSTEIRO (Coastal Patrol Boat)
    Navio de Combate pequeno, com armamento leve e raio de ação limitado, destinado à patrulha próximo da costa, repressão ao contrabando, etc.
    NAVIO PESQUEIRO (Fishing Vessel)
    Navio especialmente aparelhado para a pesca em alto mar, podendo ou não ser dotado de câmara frigorífica para conservação do pescado. O mesmo que Navio de Pesca e Pesqueiro.
    NAVIO PETROLEIRO (Oil Tanker)
    Navio de construção especial adequada ao transporte de petróleo bruto ou refinado. O mesmo que Petroleiro.
    NAVIO QUEBRA-GELO (Ice-Breaker)
    Navio de construção robusta e proa reforçada, capaz de romper os campos de gelo de pequena espessura que se formam sobre as águas, nas regiões geladas (Atlântico Norte e Mar do Norte, etc).
    NAVIO - SEA-BEE
    Navio que transporta barcaças, diferindo do sistema Lash, quanto ao embarque das mesmas. Neste tipo, as barcaças são arriadas ou içadas para bordo, através de uma plataforma situada na popa, que substitue o guindaste existente nos navios Lash.
    NAVIO-TANQUE (Tanker)
    Navio de construção especial, adequada ao transporte de carga líquida, que pode ser petróleo bruto, óleo combustível, gasolina, vinho, óleo comestível, etc.
    NAVIO VARREDOR (Minesweeper)
    Navio de guerra de construção especial, dotado de equipamentos específicos, e que, através de técnicas adequadas, retira, desativa ou faz explodir minas lançadas em águas pouco profundas, abrindo canais seguros à navegação através daquelas águas.
    PETROLEIRO (Oil Tanker)
    O mesmo que Navio-Petroleiro.
    PONTÃO (Pontoon, Hulk)
    Plataforma flutuante, geralmente de forma retangular, destinada a serviços diversos. O mesmo que Flutuante.
    PORTA-AVIÕES (Aircraft Carrier)
    O mesmo que Navio-Aeródromo. Denominação incompleta, e por isso imprópria, de Navio-Aeródromo. Este tipo de navio não é um simples transportador de aviões, mas com estes opera de forma integral.
    REBOCADOR (Tug, Tugboat)
    Pequeno navio de grande robustez, alta potência de máquina e boa mobilidade, destinado a rebocar outras embarcações.
    REBOCADOR DE ALTO-MAR (Ocean-Going Tug)
    Rebocador de maior porte e grande raio de ação, destinado a prestar socorro marítimo em alto mar.
    REBOCADOR DE PORTO (Harbour Tug)
    Pequeno rebocador destinado a auxiliar a manobra de atracar e desatracar navios, ou a rebocar embarcações na área portuária.
    SUBMARINO (Submarine)
    Navio de guerra destinado a operar submerso.
    SUBMARINO ATÔMICO (Atomic Submarine)
    Submarino cuja propulsão se faz por meio do emprego da energia atômica. O mesmo que Submarino Nuclear.
    SUBMARINO NUCLEAR (Nuclear Submarine)
    O mesmo que Submarino Atômico.
    TRANSATLÂNTICO.
    Navio de passageiro de grande porte e sofisticado. Pondendo atuar no próprio país ou interligando outros.
    Esta é apenas uma pequena amostra. Para ver o Gossário completo clique no logo do Portal Naval ao lado

 
  Anúncios Gerais:
  X
  www .




.